sexta-feira, 13 de outubro de 2006

Célia Xavier conquista vice no futebol. Mocidade AECX faz mais barulho do que torcida campeã.

Foi por pouco. Apenas um gol a mais na disputa de pênaltis deu o título ao Centro Espírita Bezerra de Menezes que passou um verdadeiro sufoco ao empatar com o Célia Xavier em 1 a 1 no tempo normal da final.

Levando em conta que a média de idade da equipe campeã e as demais era bem mais alta do que a Mocidade AECX (o torneio foi muito mais “inter-reuniões mediúnicas” do que “inter-mocidades”), o mérito do vice-campeonato foi ainda mais expressivo.

Aliás este foi um dos poucos pontos falhos da competição: a falta de controle em relação a idades e a membros realmente freqüentes em suas respectivas mocidades. De resto a organização realizada pela Fraternidade Albino Teixeira teve seus méritos, ao promover um encontro de muita confraternização e espírito esportivo.

O Célia já começou bem pela manhã, em que venceu por W X O (1 a 0) a Mocidade Espírita Irmã Fabíola, já que seus atletas não compareceram. Mas não foi só de sorte que a AECX viveu no feriado: garra e talento de sobra marcaram a atuação da nossa Mocidade na competição.

Na primeira partida, conta os anfitriões, a Fraternidade Albino Teixeira (Mocidade Vovô Felício), Hélton Fernandes (II Ciclo) com dois gols e Daniel Sarsur (I Ciclo), cravaram os três tentos que deram a vitória ao Célia por 3 a 1. Detalhe curioso é que o gol de honra do Albino foi marcado por Leandro Vieira (III Ciclo), também da Mocidade AECX, mas que atuou junto aos amigos do Vovô Felício.

Nas semi-finais, contra os colegas do “O Consolador”, o jogo foi bastante difícil e o Célia saiu em desvantagem. Mas, Alex Machado (IV Ciclo) deixou tudo igual e partida foi para os pênaltis – com a “muralha” Felipe Lessa (III Ciclo) no gol e com as pontarias afiadas da rapeizi, a Mocidade AECX carimbou o passaporte para as finais ao vencer por 3 a 2 as cobranças.

Chegou o grande momento: a final. Do outro lado a equipe mais “forte” do torneio. O Bezerra havia vencido sua partidas anteriores por goleada. Eram francosfavoritos, mas esbarraram numa equipe jovem, rápida e muito unidade em campo.

E foi o Célia que abriu o escore, com um gol de Ramon Nogueira (IV Ciclo). O jogo foi duro e muito disputado e era nítido o nervosismo do adversário. No segundo tempo, o Bezerra de Menezes empatou, levando a partida para os pênaltis.

Mas uma vez as cobranças foram equilibradas, com muitos erros de ambos as equipes, mas no final, o Bezerra fez um gol a mais e levou o título.

Mesmo assim e, surpreendendo aos outros, a torcida do Célia fez mais barulho e vibrou como se fossem os campeões. O sentimento que ficou no ar era de que, além de amigos, existiam irmãos dentro e fora do campo.

Uma vez Chico Xavier disse, “os livros não me trouxeram dinheiro, mas me deram muitas amizades, que é o verdadeiro valor que o homem pode conquistar”. Fazer parte da Mocidade AECX é compreender o real sentido que o velho Chico quis dizer sobre a palavra amizade.
Henrique Monteiro dá show de habilidade no ataque e entorta adversário
Felipe Lessa se prepara para mais uma defesa

Rafael Bertolacini (DJ Bertô) fica atento para roubar a bola de Vilmar Vilaça (O Consolador)

13 comments:

Marcus Vinicius Papa Lobo disse...

Aêêêêêêêêê!!!!!!!!!!!!
Chegamos na miúda com humildade e levamos o segundo lugar com as honras de goleiro menos vazado (lessa) e destaque (nem acredito, eu), o que dizer????.......
- " O time tava coeso, tava unido, o professor orientou bem agente , treinamos algumas cagadas ensaiadas que por sinal não funcionaram mais tá tranquilo, fomos firmes e fortes sem perder a cabeça até o fim...Só temos a agradecer a nossa torcida maravilhosa que é a maior, a melhor e a mais fiel de Minas, que nos incentivou o jogo inteiro e nos deu força por toda essa jornada, metade desse titulo e de vocês, muito obrigado a todos!”

Palhano

Marcus Vinicius Papa Lobo disse...

Só tenho uma palavra pra descrever o dia de ontem...

...FEROZ!

Papa.

Anônimo disse...

meus parabéns aos grandes futeboleiros celistas, e ao xerifão matheus palhano...quem sabe daqui a 4 anos nós conseguimos o campeonato em definitivo??

Anônimo disse...

Diversão e alegria foram a força motriz da equipe de Célia. Equipe porque não só quem tava na quadra que ganhou... O Renan e o Thi formaram uma comissão técnica fenomenal e as "celiazetes" foram o anjo da guarda dos jogadores.
E a galera que jogou está parabéns pelo equilíbrio e raça mostrados. Com certeza foi o Espiritismo na prática!!!
Valeu galera e valeu pela excelente cobertura jornalística Papa!!
Abraços turma e felicidades!

Anônimo disse...

aeaeaeae grande leandro lembro do nosso trab de substuições enchedor de garrafinha e as nossa celiazetes que agitaram o bola na rede eh isos ai!!!!!

Anônimo disse...

Espetacular...
Confesso que estava receioso quanto ao Espírito de confraternização x Espírito futebolístico dos Espíritas devido à históricos prévios lamentáveis... mas a lei do progresso é formidável. Todos os participantes e Mocidades se confraternizaram super bem... iniciamos sob a orientação de André Luiz :"nos encontros esportivos, é melhor ficar à distância se você ainda não sabe perder" Por precaução me inscrevi de Técnico com minha comissão letrada em Futebol ( Thi e Renan,meu Deus!!!). Já estava longe da amada(Gabi) e não consegui resistir... fraquejei e fui de encontro à amante(Bola de futebol):Sob a lucidez de André Luiz (Sinal Verde em minha vida)ponderei e fui pro Gol, confiante em deixar a comissão técnica nas mãos da sábia dupla: pensei... "se eles tocam a Campanha do Quilo e entendem de Violino e Vôlei, de futebol eles devem entender tbm!"
Chega.. eu falo demais!
Confesso que não tive tanto prazer dentro de quadra... desde a "quinta série",hé hé ... VALEU MOÇADA !!! Lessa

Marcus Vinicius Papa Lobo disse...

esse foi um dos dia q eu mais me diverti... fora a fome e a dor de cabeça nao faltou nem o primeiro lugar...
huhauahuahua...
tenho certeza q nem o vencedores do campeonato ficaram tao felizes quano a gente fico com o nosso 2 lugar, goleiro menos vasado e claro com o nosso jogador destaque q foi o matheus, q como diz o carinha la q eu nao sei o nome foi um leao dentro d campo, nao sei o q seria d nos se nao fosse ele naquela defesa, arrisco ate dizer q o lessa nao seria o goleiro menos vazado...

vlw matheus, meus parabens, vc mereceu...

Pedrão

Anônimo disse...

nossa depois desses comentários.... o que eu posso dizer???!!!
assino em baixo de cada palavra de todo mundo!!!!!!!. Demos um show moçada!!!!!

Anônimo disse...

brigado lessa!!!!
por ter confiado na gente !!
apesar da nossa falta de experiencia.

Anônimo disse...

estou com a Camila: faço de cada um desses comentários acima as minhas palavras! foi um dia maravilhoso..... e sem mais palavras para descrever!

para o Mateus, o que posso dizer????
---------------------------------
| EU JÁ SABIA!!!! |
---------------------------------
hehehe.... joga demais da conta!!!

e para o Felipe, confiamos em vc desde o início!!!!! hehehe.... estou orgulhosíssima do nosso coordenador!! = )

e quanto a nós, as "Celiazetes", ainda temos que arranjar uns "Papapons" para agitar mais a galera!!!

beijão.

Marcus Vinicius Papa Lobo disse...

Aqui na redação do Blog todos estão com uma pergunta na cabeça: como seriam os "Papapons"?

Atenciosamente,
Pafúncio Tiburcino
Editor-Chefe do Blog Mocidade AECX

Marcus Vinicius Papa Lobo disse...

Caro sr.Pafúncio,

Informo que desconheço o formato deste produto, como também, sua origem.

Marcus Vinicius Papa Lobo
Blog-Repórter

Ramon disse...

Bom dimais galera!!!
Já tô contando os dias para o próximo 12 de outubro!! hehe
abçãos!!!